Share, , Google Plus, Pinterest,

Imprimir

Posted in:

Radiofrequência no Rejuvenescimento Íntimo – Conheça essa Técnica!

Gostou? Avalie!

A pele é o órgão mais extenso e evidente do corpo humano, tornando-se o marcador real da idade cronológica do indivíduo, pois o envelhecimento é um processo dinâmico que atinge todos os sistemas do organismo, levando a diversas alterações fisiológicas provocadas por fatores intrínsecos e também extrínsecos.

A região genital também sofre as mesmas alterações fisiológicas, por isso a estética íntima tem ganhado cada vez mais destaque nos tratamentos.

Com o passar do tempo, a produção das proteínas de sustentação da pele, como o colágeno e a elastina, vão sendo reduzidas gradativamente, levando à desestruturação das fibras elásticas e colágenas, perda da elasticidade e consequentemente ao aparecimento da flacidez tissular.

Como Funciona Radiofrequência?

Os efeitos térmicos da radiofrequência promovem a desnaturação do colágeno, com contração imediata das suas fibras e posterior ativação dos fibroblastos com neocolanogênese das fibras colágenas ao longo do tempo, devido a uma resposta de cicatrização secundária e subsequente remodelação do tecido cutâneo (Atiyeh e Dibo, 2009, Carvalho et al., 2011).

O corpo responde a altas temperaturas pela estimulação de uma proteína denominada proteína de choque térmico (Heat Shock Proteins – HSP). A elevação da temperatura estimula a formação de HSP-47, proteína que protege o colágeno tipo I durante a sua síntese, sua liberação ocorre em resposta imediata à agressão causada por altas temperaturas.

Essa hipertermia gerada a nível de derme produz um estímulo da síntese na célula dessas proteínas HSP causando a expressão de TGF-beta-1 (fator transformador de crescimento beta-1), que por sua vez, estimula a HSP- 47 fazendo com que os fibroblastos reajam aumentando a produção de colágeno.

A aplicação de radiofrequência nos tecidos gera ondas de energia, que induzem a uma oscilação de alta velocidade molecular e causam um deslocamento das partículas carregadas, o que implica em movimentos de rotação das moléculas de água e de outras também aquecidas.

As moléculas de água aquecidas espalham a sua energia térmica para os tecidos adjacentes em decorrência da sua condutividade térmica (Del Pino-Rosado; James J. Childs Pd D, 2006). O paciente sente um calor intenso durante a aplicação, e o mesmo poderá perdurar por até 15 minutos após o término do atendimento.

O objetivo da aplicação é aumentar a temperatura do tecido de acordo com tratamento a ser realizado, o que desencadeia uma cascata de reações fisiológicas: como vasodilatação, aumento do metabolismo local e estímulo à formação de novo colágeno ou neocolagênese.

Rejuvenescimento Íntimo

A procura por tratamentos estéticos para rejuvenescimento íntimo tem aumentado muito por se tratar de técnicas não ablativas, sem necessidade de tempo de recuperação e que apresentam bons resultados, principalmente a radiofrequência no rejuvenescimento íntimo por melhorar a aparência da região genital no que tange à redução da flacidez tissular dos grandes e pequenos lábios.

As características anatômicas e funcionais da genitália externa feminina podem interferir no comportamento da mulher, independentemente da sua idade e nível sociocultural. Quando estas características estão fora dos padrões estabelecidos, problemas psicológicos podem surgir, interferindo de forma significativa na sua atividade sexual, levando a mulher muitas vezes a buscar um tratamento reparador, até mesmo tratamentos cirúrgicos.

A Organização Mundial de Saúde (OMS) reconhece a saúde sexual como parte integral na saúde do indivíduo e com grande influência na qualidade de vida, e a define como um estado de bem estar físico, emocional, mental e social ligado à sexualidade, sendo influenciada por fatores biológicos e psicológicos.

Procedimento Cirúrgico

O Brasil é líder em cirurgias plásticas genitais femininas, dentre estas, a labioplastia é a mais frequente e envolve o tratamento da flacidez cutânea dos grandes lábios. Este procedimento cirúrgico consiste na injeção de gordura autóloga ou materiais sintéticos nessa região, podendo haver complicações e a necessidade de cuidados no pós-operatório.

Atualmente, há um interesse crescente por intervenções não invasivas, com o objetivo de rejuvenescer a pele de uma forma segura, eficaz e com um mínimo de efeitos colaterais e/ou adversos. Os métodos não cirúrgicos têm sido um atrativo devido a um baixo risco de efeitos indesejáveis.

Cuidados e Informações Importantes

Não são todos os equipamentos de radiofrequência que podem ser utilizados para o tratamento de rejuvenescimento íntimo, então é preciso ter bastante conhecimento sobre a técnica e também sobre o equipamento que irá utilizar.

Não é qualquer profissional que possui habilitação para realizar esse tipo de tratamento/atendimento, então é muito importante pesquisar bem sobre o profissional que irá lhe atender. Um dos profissionais habilitados para realizar esse procedimento, é o Fisioterapeuta Dermato Funcional.

Há quem pense que qualquer equipamento de radiofrequência pode ser utilizada para esse tipo de tratamento, mas não é verdade. Há de se ter muitos cuidados, principalmente quando se trata de atender a região íntima. As ponteiras devem ser autoclaváveis, por exemplo. E os cuidados com a temperatura e o intervalo entre as sessões também são importantes.

Para rejuvenescimento íntimo é utilizado um intervalo entre 15 a 21 dias entre uma sessão e outra. Se for necessário utilizar outros protocolos para um melhor resultado, também poderão ser intercalados no intervalo da aplicação da radiofrequência.

Sobre a Pele

A pele é composta de duas camadas principais:

  1. Epiderme – camada mais superficial composta de células epiteliais intimamente unidas.
  2. Derme – camada mais profunda composta de tecido conjuntivo denso irregular.

Epiderme: A obtenção de nutrientes é feita a partir da derme, uma vez que a epiderme é avascular.

Derme: Sustenta a epiderme e envolve anexos cutâneos, vasos, nervos e músculos eretores do pêlo, protegendo-os. Participa ativamente da nutrição cutânea, do sistema imune pelo tráfego seletivo de células inflamatórias e regula o tônus vascular, contribuindo para a hemostasia.

Benefícios da Radiofrequência no Rejuvenescimento Íntimo

A procura por esse tratamento não é destinado apenas às pessoas com mais idade, mas também mulheres que estão se recuperando de um pós parto, por exemplo.

Muitas mulheres com pouca idade possuem uma baixo auto estima devido à algum incômodo que sente referente à sua região íntima, algumas mulheres chegam a ter problemas para relacionarem com seus parceiros, se beneficiando então da radiofrequência no rejuvenescimento íntimo.

A cirurgia íntima traz, além de riscos, como em qualquer cirurgia, alguns cuidados no pós operatório. A radiofrequência íntima consegue mostrar bons resultados não somente para o tratamento da flacidez íntima, mas também para alguma gordurinha indesejada na região íntima.

Os resultados obtidos com a radiofrequência no rejuvenescimento íntimo são muito impressionantes e o nível de satisfação visual entre as mulheres que realizam o tratamento, é bem alto, melhorando ainda sua auto estima.

Apesar dessa área ainda estar sendo descoberta, não somente pelos pacientes, mas também pelos profissionais das áreas competentes para aplicar esse tipo de tecnologia, é uma área em expansão, pois infelizmente ainda existe muita vergonha e até um pouco de preconceito talvez, pelas mulheres e também alguns profissionais.

Não é motivo para se ter vergonha caso não esteja feliz com algo em seu corpo, pois isso está diretamente ligado a ter uma boa auto estima e confiança.

Equipamentos para Radiofrequência no Rejuvenescimento Íntimo

Não há muitos equipamentos que podem ser utilizados para a radiofrequência no rejuvenescimento íntimo, sendo comercializados no mercado, mas algumas empresas de equipamentos, como a KLD, com foco nesse mercado de estética íntima, lançou recentemente a atualização do equipamento HÉRTIX SMART, que agora conta com as ponteiras para estética íntima autoclaváveis.

Esse equipamanto traz dois tamanhos de ponteiras íntimas, de 8 mm e de 15 mm. A aplicação de radiofrequência em estética íntima é realizada apenas na genitália externa (grandes e pequenos lábios).

Atente-se às contra indicações específicas para a aplicação de radiofrequência em estética íntima (DIU e até 6 meses após o parto). Também verifique as contra indicações gerais da RADIOFREQUÊNCIA, pois continuam as mesmas, assim como também as indicações.

O Novo Hertix Smart é uma radiofrequência no rejuvenescimento íntimo que através da emissão de correntes elétricas de alta frequência forma um campo eletromagnético que gera calor em contato com a pele.

Por ser uma terapia com frequência variável de 640Khz a 2400Khz projetadas para atingir no máximo a camada subdérmica, sua aplicação é segura e utilizada em todos os fototipos cutâneos. É destinado a tratamento de afecções estéticas, associado ou não a outros procedimentos.

Contra Indicações Gerais

  • Gestantes
  • Profissionais Gestantes
  • Lactantes
  • Pessoas com Marcapasso
  • Câncer ou Metástase
  • Pacientes Imunodepressivos
  • Infecções
  • DIU – apenas para ponteira monopolar em região infra umbilical e aplicador de estética íntima – no caso do equipamento HÉRTIX SMART
  • Histórico de Câncer
  • Dentre Outras – que deverão ser consultadas e avaliadas conforme cada paciente

Written by Liziane Nogueira

Liziane Nogueira

Fisioterapeuta formada pela PUCRS em 2006, Pós Graduada em Fisioterapia Dermato Funcional também pela PUCRS em 2014. Atualmente possui um Studio de Pilates (Pilates e Funcional Studio Lizi Nogueira), e trabalha com reabilitação funcional, reabilitação convencional e também na área da Dermato Funcional. Trabalha também com Consultoria sobre Equipamentos de Fisioterapia.

2 posts

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *